terça-feira, 13 de setembro de 2011

FRASES DE EFEITO

SÓ ME ARREPENDO DO QUE NÃO FIZ;

É MELHOR SE ARREPENDER DO QUE FIZ QUE DAQUILO QUE NÃO FIZ;

QUERER É PODER.


Tenho questionado muito as frases de efeito oriundas da sabedoria popular. São frases diretas, impactantes, que causam grande impressão, mas no fundo dizem meias verdades.


A primeira frase, por exemplo, expõe duas características péssimas para um ser humano: a imprudência e a falta de humildade, porque um indivíduo que nunca deixa de fazer nada, não avalia, não pondera o que faz e, se nunca se arrepende, não aprende.


A segunda frase, que, aliás, transmite uma arrogância sem tamanho quando enunciada, é pior, porque um indivíduo que só se arrepende daquilo que não fez, é um indivíduo despreocupado com o próximo e, sobretudo, despreocupado com as consequências dos seus atos.


A terceira frase, quando dita, soa como uma equação matemática de resultado preciso: QUERER=PODER. Entretanto, não é bem assim, visto que o querer é apenas a mola propulsora, o QUERER é a vontade, mas para chegarmos ao ponto do PODER é preciso somarmos a esta equação pensamento positivo, atitudes corretas, muito trabalho, muita luta para então termos a possibilidade de realizar algo.


Como mencionei nas linhas inicias, as frases de efeito dizem meias verdades, isto é, parte do seu conteúdo é condizente com a vida, com a realidade, todavia cabe a nós refletirmos sobre elas, interpretarmos o que está além das linhas, o que está nas entrelinhas. Cabe a nós, acima de tudo, escrevermos as nossas próprias frases de efeito, mas que esse efeito seja verdadeiro e edificante.


3 comentários:

R. R. Barcellos disse...

Parabéns. Frases de efeito "prêt-a-portez" são como roupas tamanho único: não vestem bem nenhuma idéia, só ficam bem nos cabides dos vendedores de ilusões.
Abraços.

helio.rocca disse...

Interessante esta sua análise. Gostei!

Tatiana disse...

Meus queridos, obrigada pelos comentários.

Beijos