sábado, 19 de novembro de 2011

Moça...


Moça dos olhos brilhantes, deixa eu te olhar olho a olho e dizer-te o que sinto,
Moça dos lábios de mel, beije-me e deixe-me sentir o seu gosto,
Moça do sorriso de uma exuberante beleza, que faz meus olhos brilhar a ver cada sorriso teu.

Moça tu despertas meus desejos, me deixas louco, tua voz fininha quando soa me arrepias por inteiro, Moça com tu consegues mexer tanto comigo? Conta como é o segredo.

Moça como tu consegues jogar o cabelo, olhar nos meus olhos e me dominar sem mais nem menos? Moça teu andar me deixando enfeitiçado quando passas na rua, qualquer dia desses ainda me jogo nos teus braços em pleno olhar da lua.

Moça, como faço pra ganhar um beijo teu? Como faço pra te ter só pra mim? Moça eu juro que faria de tudo, lutaria contra o mundo só pra te ter aqui, eu largaria o meu mundo pra viver no teu, trocaria minha vida por um sorriso teu, eu morrei qualquer dia se tu me dizer adeus.

Moças teus cabelos lisos entrelaçados em meus dedos satisfazendo meus desejos, eu me derreto com teus beijos, me sinto mais eu quando caio nos lábios teu, tu me faz sentir na lua quando te beijo toda nua, sentindo o vento lá de fora tocar os nosso corpos aumentando nosso prazer, a temperatura sobe a cada vez que toco em você.

Autoria: JuniorPoltergeist

4 comentários:

Simone MartinS2 disse...

Ui! Que bela declaração de amor, amei! abraços

Cidinha disse...

Que lindo poema! Delicado e sensual. Tenha um bom fim de semana e o coração cheio de amor! Bjos.

Zilda Mara Peixoto disse...

Olá!Que blog lindo!!!Acabei de conhecer seu blog e estou adorando! Suas postagens são muito bem construídas e seu blog é muito bem organizado.Adorei seus textos,você escreve maravilhosamente bem.Parabéns!
Já estou lhe seguindo e te convido a visitar e seguir o meu blog também.Aguardo sua visita!
Bjs!
Zilda Mara
http://cacholaliteraria.blogspot.com/

Rosivar Marra Leite disse...

Moça que encantou o poeta!
Pegue-a num laço!