sábado, 1 de outubro de 2011

Solitário...


Solitário...
Sem vida,
Sem amor,
Triste,
Solitário,

Solitário não, com algumas copainha, luto de um sentimento que se foi tão magoado, um coração quebrado que se despedaçou tão injustiçado, a tristeza de uma vida que se acaba tão só, sem sinal da alegria, sem destino a felicidade lagrimas que escorrem em meu rosto o silencio do canto do quarto se misturam entre si, e formam um único ser que me aparece ser tua imagem.

Só precisava de um momento só, mais esse momento nunca mais passou,
Só precisava de um sentimento seu, infelizmente o sentimento errou,
Só precisava te ter por um momento, mais esse momento rápido passou,

É, eu te trava como minha vida, te dei amor, te dei carinho, te mostrei a felicidade que tu não vias dentro de nós, uni nossos destinos, mudei meus planos para te acompanhar, e em troca o que recebi? Fiquei sem amor, fiquei sem carinho, sem qualquer rastro de felicidade, sem destino, sem planos,  principalmente sem nada.


Autoria: JuniorPoltergeist

6 comentários:

Simone MartinS2 disse...

Ficou só, mas ainda possui VIDA, e isso o torna especial, divida essa Vida, varias vezes se necessário, mas nunca pare de viver...outras pessoas precisam de ti, então, afaste a solidao de teu coração e va a luta! abraços...adorei, pois amo tudo que fala sobre solidão!

Alê disse...

Estou nostálgica assim hoje: ou é saudade, ou é chuva...

Zilani Célia disse...

Oi!
Pois é, amor tem que ser a dois,ter cumplicidade, e na poesia , só um amou.
http://zilanicelia.blogspot.com/

Abrçs

Jasanf disse...

Adorei a gradação na linguagem. Belo texto!

Thiago Brito disse...

Poxa, que beleza de escrito, palavras tão bem colocadas e um sentido tão claro...Parabens pelo Blog, seus textos são realmente muito bons, escreves maravilhosamente bem, tens uma sensibilidade admirável, tudo aqui me agradou, então não hesitei em me tornar seu seguidor...

Quando puder, passa la no meu tbm e vê o que acha
http://essenciaego.blogspot.com/

Abraço apertado
Té mais ;P

JuniorPoltergeist disse...

Porque tem que ser assim tão triste, porque na poesia apenas um ama? porque toda essa infelicidade?? o que é isso, meche tanto comigo, ao mesmo tempo me bate tristeza, acelera meu coração deixando-me sem palavras, deixando-me sem ar, o que ser? Pura poesia.
Agradeço o comentário de todos. Boa tarde