quarta-feira, 13 de julho de 2011

A carícia de um Beija-Flor




Já imaginou qual é a sensação de ser beijado(a) por um beija-flor? Experimente imaginar... é algo indefinido e sorrateiro sem dúvida, é a sensação que as flores tem ao serem acariciadas por eles ao lhes servirem seu pólen... Nunca fui uma flor, mas gosto de cada fase delas e as admiro por serem graciosas e belas. Já os beija-flores eu gosto por sua agilidade e ligeireza...Vôo direto e centralizado feito o raio de sol ao invadir nossas frestas mais secretas a oxigenar nossos poros... Enfim, vale a pena ser acariciado(a) por um beija-flor, basta fazer a escolha da espécie mais indicada para tal...

(Catia Bosso)
Beijo-te!








6 comentários:

Bixudipé disse...

Bela metáfora!

Abração.

Alê disse...

Talvez a mesma magia de ouvir um rouxinol?


Bj

Severa Cabral(escritora) disse...

Fascinação!
Seria o mesmo que ouvir um fundo musical...
Bjssssssssssssssss

Jasanf disse...

Também quero ser acariciado e beijado por beija-flor. Que meigo! rsrs
Abraço,
Jasanf.

Van disse...

Cátia

amo flores, e os beija-flores amo neles a capacidade de condensar beleza, são tão pequenos e tão lindos.
O que mais me chama atenção neles é isto, beleza grande em pouco pássaro.
Amo todo "menos que é mais".

Beijossss

Anônimo disse...

Me fez lembrar meu avô! Era tão doce que uma beija-flor fazia morada em seu jardim, brava com as outras, espantava todas, mas dele se aproximava e acariciava com o bico seus cabelos. Só uma alma tão pura atrairia uma criaturinha tão bela. Seu nome era DIDIER, a ela chamávamos PERPÉTUA, por causa da personagem da novela "Tieta".
Belas lembranças seu texto me trouxe.
Rosivar