terça-feira, 30 de agosto de 2011

EU?


Eu sou branco, negro, amarelo, vermelho, albino.

Sou africano, asiático, americano, europeu, australiano.

Sou budista, católico, espírita, protestante, muçulmano,judeu, ateu...

Sou do mar, do lago, da lagoa, do mato, da metrópole...

Sou alto, muito alto, baixo, anão...

Sou gordo, magro, raquítico...

Sou intelectual, universitário, secundarista, analfabeto...

Sou forte, sou fraco, honesto, desonesto, simpático, antipático...

Sou fervoRoso, sou descrente, otimisita, pessimista, radical, fatalista...

Eu ensino, curo, cuido, lavo, passo, cozinho, pesquiso, varro, passo, pinto, construo, projeto, dirijo, cobro, conto, administro, investigo, protejo, salvo, atendo, confiro, conduzo, piloto, planto, colho...

Eu fico doente, são, triste, alegre, bonito, feio...

Eu sinto raiva, ódio, amor, dó, compaixão, inveja...

Eu magoo, agrido, amo, sou amado, bato, apanho, xingo, sou xingado, grito, ofendo, sou ofendido...

Eu crio, destruo, encontro, perco, mato, sou morto...

Quem sou eu? Eu sou todo ser humano que está neste planeta. Esse ser tão complexo, tão cheio de paradoxos. Esse ser que sabe, intimamente, que sua essência é divina, esse ser que sente as partículas criadoras em seu íntimo. Esse ser sou eu, é você, somos nós. Estamos ainda em processo, mas o único determinismo, o único fatalismo é a PLENITUDE .Um dia todos os paradoxos desaparecerão e, então, seremos simplesmente FELIZES.

8 comentários:

Ivone Poemas disse...

Linda postagem, pois é mesmo isso, somos TODOS em UM e UM em TODOS, assim acredito!!!
ABRAÇOS
Ivone Poemas
henristo.blogspot.com

Bixudipé disse...

Somos, todos, um só; cada qual com sua pluralidade.

Adorei o texto; abração,

Rodrigo Davel

Jasanf disse...

Perfeito seu texto, como sempre, Tatiana!Às vezes duvidamos do nosso próprio "eu", mesmo tendo cada um suas idiossincrasias.
Abraço,
Jasanf.

Imac by Artes disse...

Minha querida!
Três dias sem passar em seu cantinho estava com saudades de ti e de suas lindas e sábias postagens.
A pluralidade do ser humano é o que o torna singular e pleno...
Respeitar as diferenças é o desafio para sermos felizes.
Abraços! Uma linda noite pra ti

Tatiana disse...

Meus queridos, obrigada pelos comentários.
Beijos

Ives disse...

Olá, profundo blog, adorei! Sou o resultado do meio comum, sou verde entre as plantas, azul aos céus! abraços

Angel disse...

Você É!
Só isso basta e mais nada!

Fantástico!

um anjo

Dja disse...

Que lindo, somos "seres humanos" um em todos.

Lindoooooooo

beijinhos e meu carinho.